Autor: Teri Terryreiniciados_1362663881b

Editora: Farol Literário

Ano: 2013

Páginas: 432

ISBN: 9788562525728

Reiniciados acontece em 2054, em Londres após um colapso econômico em 2020. O governo resolveu que iria reabilitar jovens criminosos que contribuíram para  o colapso econômico, mas para isso, eles utilizariam a nova descoberta, apagariam todas as lembranças dos jovens para poderem serem inseridos de novo na sociedade.

Kyla é uma adolescente de 16 anos que foi reiniciada, como todo o reiniciado, Kyla tem que viver com um nevo no pulso, o nevo é conectado no cérebro do reiniciado por um chip que controla o humor do reiniciado. Depois de ser reiniciado, os adolescentes ficam no hospital por 6 meses para serem re-educados antes de serem encaminhados para a nova família.

Sandra Armstrong-Davis é a nova mãe de Kyla, Sandra é filha de um dos responsaveis por eliminar as gangues que ameaçavam a Inglaterra em 2020, seus pais foram mortos em um dos ataques terroristas. Seu novo pai, David, aparenta ser um bom homem, mas Kyla já desconfia dele. E Kyla também tem uma irmã reiniciada, Amy.

Kyla frequenta mesma escola que sua irmã, Amy, que acabou atrasando um ano de seus estudos por causa que foi reiniciada. Kyla faz um teste para saber em qual turma que ela entra, um teste nada fora do normal. Durante o tempo que Kyla passou na escola, ela percebeu que existia alguns “watchers” (não sei o nome em portugues, me desculpem) que serviam para acompanhar os reiniciados para saber se estava tudo certo.

Kyla não faz ideia porque foi reiniciada. Mesmo as pessoas falando que suas memórias e sua personalidade foram apagadas, ela sabe que é diferente do resto. Ela tem tido pesadelos, dos quais levaram ela a ficar internada por 3 meses a mais do que o normal depois de ser reiniciada. Kyla acha que esses pesadelos podem ser informações da sua vida antes de ser reiniciada, mas ela não tem certeza.

Kyla percebe que ela consegue desenhar com a mão esquerda (quando reiniciaram ela, reiniciaram como destra), que ela sabe como dirigir e que quando ela fica brava, seu nevo não funciona. Kyla então resolve descobrir quem era ela, quem era a sua família e porquê ela foi reiniciada.

Com o decorrer do livro Kyla conhece Ben, um dos garotos reiniciados do seu grupo de apoio e eles acabam se aproximando, mesmo Kyla achando que Ben namora Tori, outra garota reiniciada, e mesmo depois de todos os avisos no hospital que eles não podem namorar antes dos 21.

Ben e Kyla viram colegas de corrida, e descobrem que a corrida ajuda a camuflar o humor para o Nevo. No dia que Tori desaparece, Ben vai a procura de Kyla para que ela o ajude a encontrá-la.

Depois de um tempo, Amy leva Kyla para conhecer Mac, um garoto que pode provavelmente achar quem ela era no passado. Mac possui um computador com todos os anúncios de crianças desaparecidas, e tenta ajudar Kyla a saber sobre a sua vida passada.

Kyla resolve contar isso para Ben, e acaba levando ele para conhecer Mac também. Após a visita, Ben começa a ter uma ideia louca de tentar se livrar do seu nevo, como ele descobrira que muitas pessoas conseguiram e com sucesso.

Acho que todos nós já sabemos como isso termina né? Os nevos são conectados por um chip no cérebro, quando cortados fora eles emitem ondas para seu cérebro para evitar que qualquer dano maior aconteça com a pessoa.

A trama no livro continua com Kyla tentando descobrir o que acontece com ela, o que aconteceu com o Ben e procurando uma saída para solucionar todo o esquema de reiniciar adolescentes. Eu até escreveria mais, mas as chances de eu soltar um spoiler são bem grandes e eu não gostaria de estragar a distopia inteira por causa de uns spoilers.

Eu não esperava muito desse livro, só comprei porque eu tinha gostado da capa e eu faço isso muito, comprar livros pela capa, mas não me arrependi de ter comprado esse. Essa é provavelmente uma das minhas 5 distopias favoritas, eu amo cada detalhe desse livro.

Anúncios